HISTÓRIA

Seminário «Arqueologia Documental» é o ponto alto da Semana dos Arquivos do Centro de Documentação de Ílhavo

Até 15 de Junho, o Centro de Documentação de Ílhavo promove a Semana dos Arquivos com uma programação diversificada, transversal a várias gerações e públicos, para comemorar o Dia Internacional dos Arquivos.

O programa arrancou esta segunda com visitas orientadas “Sentidos de Mar” sob o tema “Porto de Aveiro – pesca e outras indústrias, a história das histórias”.

No dia 12 de junho, às 10h00, “Vamos à Ilha’vô?” em sessão de Contos.

O destaque do dia 13 de junho, às 14h30, vai para “O Arquivo do Avesso” em visita guiada ao CDI e à exposição “Do Paleolítico à atualidade: herança arqueológica”.

Haverá teatralização pela Turma de Teatro de Literatura da Universidade Sénior do Centro Social e Paroquial da Gafanha da Nazaré.

No dia 15 de junho, entre as 9h30 e as 17h00, Seminário “Arqueologia Documental” que inclui o lançamento das publicações “Nossa Gente: Biografia de Viriato Teles” e “Do Paleolítico à atualidade: herança arqueológica”.

O encerramento do Seminário será dedicado à apresentação dos trabalhos arqueológicos desenvolvidos em Ílhavo, que visam descortinar o passado mais longínquo, num período em que a inexistência de documentação poderia comprometer a reconstrução da história do município.

Maria Beatriz Marques e Liliana Gomes (Universidade de Coimbra), Mário Bruno Pastor (Universidade Católica), Manuel João Senos Matias (Universidade de Aveiro) e António Valera (ERA - Arqueologia) serão os especialistas oradores dos vários painéis que compõe o evento.

O programa será ainda marcado pela assinatura de protocolos, pelo lançamento da revista "Nossa Gente: biografia de Viriato Teles" e pela apresentação da publicação "Do Paleolítico à atualidade: herança arqueológica".

fonte

Artigos relacionados